quinta-feira, 27 de julho de 2017

SOB O SIGNO DO ROCK

O dia de ontem foi gerido pelo signo do Rock. No dia em que Sir Mick Jagger completou setenta e quatro anos, tivemos Xutos & Pontapés em Oliveira do Hospital. Já no post anterior falei do Xutos e da sua importância na nossa música. O álbum “Circo de Feras” apanhou-me na tropa em 1987. Logo no ano seguinte sai o álbum “88” que também ainda me apanhou na mesma situação. Deste disco faz parte o tema “A Minha Casinha”. Um camarada meu tinha a seguinte versão da letra:

As saudades que eu já tenho
Da minha casa de banho,
Onde só lá cago eu.
Meu Deus, como é bom cagar 
e ao mesmo tempo sonhar
Com as miúdas do liceu. 

Este dia, marcado pelo Rock, ainda me trouxe mais uma surpresa. A minha amiga Cristina, quase sempre ausente, navegando pelos catorze mares, deu-me o meu presente de aniversário, apenas com três meses de atraso. Como mostra a foto, tive direito a uma magnífica almofada com o símbolo da minha banda de eleição. Pequenos e valiosos mimos que me deixam feliz. Obrigado Cristina. Valeu a pena ensinar-te a desenhar uma borboleta quando tinhas sete anitos. Valeu a pena ver-te crescer. Tudo vale a pena quando se tem pessoas como tu. Que o espírito do Rock esteja sempre connosco.


Sem comentários:

Enviar um comentário